Somos mais felizes quando trabalhamos


Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Chicago (EUA) fez uma série de testes com estudantes universitários e descobriu mais um paradoxo interessante na enorme lista de esquisitices humanas: apesar de a maioria de nós, se tiver escolha, preferir ficar na preguiça, jogados no sofá e sem fazer nada (segundo eles, isso é “um resquício evolutivo que garante a conservação de energia”), todos nos sentimos mais felizes quando estamos ocupados.
E o efeito é verdadeiro mesmo quando somos “forçados” a fazer algo que inicialmente não queremos (tipo ir trabalhar numa segunda-feira, será?). No texto, os caras até brincam que uma boa forma para os governos aumentarem o bem-estar geral da população seria colocá-la para construir pontes, que nem precisariam levar a algum lugar (!). Só pelo trabalho mesmo. (Tem que ser assinante pra ver, mas o estudo completo está aqui.)
Então, alegria, gente! Hoje é segunda e vêm por aí (pelo menos) mais 5 longos dias pra trabalhar e ser muito, muito feliz.
PRÓXIMA
« Prev Post
ANTERIOR
Next Post »